Dicas para aumentar a visibilidade do seu escritório no LinkedIn

O LinkedIn possui mais de 30 milhões de usuários registrados, abrangendo mais de 150 indústrias.

Existem dois tipos de perfis disponíveis na rede: o pessoal e o empresarial.

O perfil pessoal permite que o usuário crie uma página onde pode listar suas atividades profissionais, construir conexões, receber e dar recomendações para outros usuários, prestar assistência a outros usuários e participar de grupos de discussão. Essa conta obriga o usuário a publicar informações voltadas para a divulgação de atividades individuais como, por exemplo, sua formação acadêmica, emprego atual, histórico profissional, experiência, publicações, cursos, idiomas, competências e especialidades que o usuário adquiriu ao longo da carreira.

Ao contrário do perfil pessoal, que serve especificamente para indivíduos publicarem seus currículos, o empresarial possui ferramentas diferenciadas que ajudam as empresas a destacar suas atividades, oferecendo assim conteúdo direcionado aos seus seguidores e melhorando sua visibilidade. Nas páginas empresariais o escritório pode publicar informações detalhadas sobre o site, setor de atuação, tipo e tamanho do escritório, histórico, quantidade de integrantes, descrição dos serviços oferecidos, fotos e vídeos, estratégias e estatísticas.

Apesar das vantagens apresentadas, o LinkedIn possui limitações. A rede não permite a personalização da aparência e das funcionalidades dos perfis dos escritórios. Todos são variações pequenas de um único modelo. Isso mostra que o LinkedIn é uma rede social construída para indivíduos, não para empresas. Nesse contexto, a empresa é apenas o denominador comum compartilhado pelos integrantes da mesma. É difícil usar o LinkedIn para alavancar o perfil do escritório ou para engajar os clientes de forma substancial. A rede não oferece aos escritórios mais funcionalidades do que a que eles podem obter através do próprio site, que normalmente transmite informações em um formato mais envolvente e único.

Seguem 9 dicas para criar uma página empresarial para o seu escritório no LinkedIn:

1. Crie um perfil completo e atraente. Use palavras-chave que podem ser empregadas na busca pelo seu escritório.

2. Crie uma página empresarial.

3. Incentive todos os advogados do seu escritório a criar um perfil na rede.

4. Faça recomendações para as suas conexões para descobrir como elas funcionam. Normamente as pessoas retribuem enviando recomendações para a página do escritório. Isso ajuda a criar credibilidade e é uma boa maneira de se conectar as pessoas.

5. Participe de diversos grupos de discussão e pense em grupos que você gostaria de criar. É importante observar como os grupos funcionam antes de começar suas atividades. Escute antes de dar opinião e tente ser prestativo.

6. Responda as perguntas do LinkedIn para compartilhar seu conhecimento e construir a sua marca.

7. Adicione 12 novas conexões usando a busca avançada com o objetivo de ter mais 500. É importante não adicionar muitas pessoas que você não conhece, prefira sempre convidar conhecidos para evitar receber punições do LinkedIn.

8. Peça apresentações para a suas conexões.

9. Use o Google Analytics para monitorar as referências do LinkedIn ao seu site e observe os níveis de engajamento, como o tempo gasto pelos visitantes no site, páginas visitadas, entre outras informações.

Anúncios
Etiquetado , , , ,

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: