Arquivo da tag: site

Como produzir conteúdo relevante para seus clientes

A maioria já ouviu falar do marketing de conteúdo, mas poucos questionam porque existe tanto burburinho sobre o tema. Atualmente a produção de conteúdo por escritórios de advocacia e advogados é uma das melhores estratégias para manter os clientes satisfeitos e conquistar novos negócios.

Sem indicação prévia seu potencial cliente não vai buscar pelo nome do escritório ou de um advogado no Google. Ele vai procurar por assuntos jurídicos que possam ajudá-lo a esclarecer questões do dia a dia e ao encontrar informações relevantes publicadas na Internet (mídia, site, redes sociais, blogs, etc.) entrará em contato com o autor do texto ou com o escritório responsável pela produção daquelas informações.

A acirrada concorrência entre as bancas na busca por novos clientes não permite que os escritórios se deem ao luxo de ignorar uma ferramenta de marketing tão valiosa.

Confira abaixo dicas que irão facilitar a busca por temas relevantes e impulsionar a produção de conteúdo do seu escritório.

  • Participe de grupos do LinkedIn

Existem grupos excelentes onde você pode encontrar tendências e novidades área jurídica. Busque por grupos de discussão dentro da sua área de atuação e verifique quais são os assuntos mais comentados. Leia diariamente os updates. Eles podem gerar temas interessantes para a produção de um artigo para o seu site ou blog.

  • Publique informações no Pulse

Originalmente limitado aos influenciadores o aplicativo Pulse (agregador de conteúdo) do LinkedIn foi liberado para os usuários da rede. Agora ele permite que todos compartilhem seus próprios artigos para conquistar maior visibilidade. Os autores que usam o Pulse promovem o compartilhamento de conhecimentos, experiências e habilidades especiais com suas conexões; se posicionam como especialistas sobre um tema específico; desenvolvem sua rede conquistando novas conexões e atraem público para o site ou blog através dos links publicados nos artigos postados.

  • Crie alertas do Google

Serviço gratuito de busca por palavras chave que entrega a informação no seu e-mail. O ideal é configurar os alertas para o envio “quando disponível”. Dessa forma é possível divulgar imediatamente uma novidade da sua área de atuação na tentativa de ser o primeiro a falar sobre o assunto. Também é importante criar alternativas para cada alerta, monitorar notícias na sua cidade e estado, ações judiciais, recursos, processos e particularidades da sua área. Quanto maior o volume de informação recebido, maiores as chances de encontrar assuntos relevantes.

  • Invista em temas populares

Use o Google Analytics para saber quais artigos publicados atraíram a maior quantidade de leitores para o seu site ou blog. Para ter acesso a informação basta instalar o Analytics no site, entrar no relatório detalhamento do conteúdo localizado em Comportamento/Conteúdo do Site. Ao acessar os dados você vai visualizar quais artigos e posts tiveram mais page views. Esses são os assuntos que devem ser explorados novamente.

  • Use o Twitter como fonte de informação

Crie uma conta no Twitter e siga os principais jornais, portais e órgãos jurídicos, publicações e guias relevantes na sua área de atuação, entre outros. Ao invés de perder tempo entrando em vários sites para obter a informação necessária você consegue encontrar o conteúdo desejado ao acessar sua timeline na rede. Seguir seus clientes também é fundamental para obter informações sobre suas atividades e interesses.

Para obter mais informações sobre marketing jurídico siga a página da Markle Comunicação e Marketing Jurídico no LinkedIn.

Também estamos com visual novo! Nosso site foi totalmente repaginado. Faça uma visita e confira: http://www.markle.com.br

Anúncios
Etiquetado , , , , , , , , ,

Clientes e a busca por serviços jurídicos

A forma mais tradicional de encontrar advogados ainda é através da indicação de pessoas conhecidas. Uma pesquisa encomendada pelo escritório americano Moses & Rooth mostra que a maioria das pessoas (34,6%) recorre à indicação de conhecidos antes de contratar serviços jurídicos. O número de clientes que procuram por advogados através das redes sociais ainda é pouco significativo. O estudo realizado com 1.183 pessoas afirma que apenas 2,1% dos potenciais clientes utilizam as redes sociais na busca por advogados. Os outros 41,4% optam pelos anuários jurídicos impressos e outros sites disponíveis na Internet.

Como os sites de busca são bastante utilizados é importante que os escritórios divulguem nas informações publicadas em seus sites os serviços oferecidos, pontos fortes e especialidades pelas quais desejam ser encontrados. As áreas de atuação e biografias são os dados mais relevantes para futuros clientes que pretendem contratar serviços jurídicos.

Conforme apontado na pesquisa do Moses & Rooth, as redes sociais possuem menos importância na busca, mas essas ferramentas aumentam o alcance das informações publicadas no site e podem auxiliar a pesquisa. Ter um site não é suficiente, ele deve ser divulgado na web para garantir que as pessoas irão encontrar seu escritório entre os concorrentes.

Normamente, quando um cliente acha na Internet um advogado que atenda as suas expectativas, antes de contratar seus serviços, ele pesquisa por artigos ou posts de autoria do profissional localizado, a fim de confirmar sua experiência e conhecimento nas áreas onde busca assessoria. A informação complementar é a cereja do bolo.

Atualmente, os escritórios não podem se dar ao luxo de perder o expressivo volume de potenciais clientes que acessam a Internet para encontrar serviços jurídicos. Investir na imagem do seu escritório on-line pode ser uma ótima forma de captação.

Etiquetado , , , , , , , , ,

Aplicativos: novas oportunidades para os escritórios de advocacia

O mercado mobile esta em plena expansão. Uma pesquisa realizada pela empresa IDC Analyze the Future, mostra que em 2015 o acesso à internet via dispositivo móvel será maior que o acesso via Desktop ou Notebook. Esses números mostram que é importante ficar atento às novas necessidades e novas tendências. Como você está se preparando para este novo cenário? Que tal começar a pensar em um aplicativo mobile para o seu escritório?

Os aplicativos podem ser ótimos aliados. Eles aumentam a visibilidade, fortalecem o nome do escritório, engajam potenciais clientes e oferecem ferramentas e informações úteis. Os aplicativos também permitem o acesso rápido a dados relevantes quando os clientes estão no trânsito.

Antes de investir tempo e dinheiro em aplicativos, os escritórios devem primeiro garantir que os sites estejam habilitados para funcionar em todas as plataformas móveis disponíveis. Os aplicativos dos escritórios devem focar em estender ou melhorar os serviços prestados aos clientes e não em apoiar as atividades de seus advogados. É importante divulgar os currículos dos advogados, fotos e contatos dos integrantes e as informações institucionais do escritório. Além das informações básicas os aplicativos podem auxiliar na divulgação de eventos, novas vagas, artigos e notícias, entre outros.

O escritório Baker McKenzie criou um aplicativo para divulgar a publicação “40 Country Matrix”. Esse é um ótimo exemplo de como a ferramenta pode ser utilizada. Para anunciar o app, o escritório criou uma página no site que explica para que ele serve e como funciona.

Investir na criação de um aplicativo que atenda todas as plataformas disponíveis pode ser caro, mas existem sites que permitem a criação de apps por um custo menor. O ViziApps é uma boa opção para os escritórios que querem participar do mercado, mas não querem gastar muito.

Essa tecnologia se torna mais acessível a cada dia, mas ainda não é aproveitada pelos escritórios e pelos clientes como deveria. Os aplicativos apresentam novas oportunidades para que os escritórios se destaquem na multidão. Vale a pena ficar de olho na sua evolução para não perder as oportunidades oferecidas.

Etiquetado , , , , , , , , , , , ,

A importância dos sites para os escritórios de advocacia

Atualmente, a maioria das pessoas usa a Internet na busca por serviços jurídicos e representação, por isso criar ou reformular o site do escritório e investir tempo e dinheiro na sua concepção e desenvolvimento é fundamental. Os advogados estão cada vez mais conscientes que a presença na web é importante para aumentar a visibilidade e consequentemente atrair novos clientes. O site do escritório representa o contato inicial com os usuários que desejam conhecer melhor os advogados, os serviços oferecidos e os custos envolvidos. Normalmente os sites de escritórios de advocacia são conhecidos pelo visual maçante e sem graça, mas é possível torná-los atraentes. Existem duas opções para os escritórios que desejam investir em seus sites:

1) Contratar um designer/desenvolvedor para criar o site

Criar um design específico para o site permite que ele tenha características exclusivas e identidade própria. O designer irá fornecer conteúdo relevante e apropriado para que o site seja adequado ao seu público-alvo. Esses profissionais possuem know how em marketing digital, tecnologias, sistemas e métricas. Eles conseguem otimizar a visualização do site nos sistemas de busca. Além disso, a hospedagem paga gera espaço ilimitado para as imagens, vídeos e e-mails. Apesar das vantagens o custo é levado, o site demora mais para ser concluído e a manutenção é paga.

2) Adquirir um template

Os templates são mais baratos, o site fica pronto em questão de minutos e não é necessário ter conhecimentos em programação. Apesar das vantagens apresentadas, a baixa flexibilidade do sistema normalmente faz com que todos os sites fiquem muito parecidos. Também é complicado encontrar um template que atenda todas as necessidades dos escritórios e dos clientes. Além disso, o espaço para as imagens, vídeos e e-mails é limitado e a otimização para os sistemas de busca é duvidosa. Dentro deste cenário, encontrar um modelo que supra efetivamente a demanda de ambos pode ser uma árdua tarefa.

Independentemente da opção escolhida, na era da Internet, o site é a principal vitrine dos escritórios e não deve ser negligenciado.

Seguem abaixo, para referência e inspiração, alguns exemplos de sites interessantes:

http://lizaburkelaw.com/

http://www.arentfox.com/

http://www.axiomlaw.com/index.php/overview

http://www.mofo.com/

http://www.goodwinprocter.com/

Etiquetado , , , , , , , , , , , ,
Anúncios
%d blogueiros gostam disto: